O Cantinho de Tatyana Casarino. Aqui você encontrará Textos diversos e Poesias simples com a medida do coração.









Contador Grátis





segunda-feira, 20 de março de 2017

Interpretando Maria, Maria de Milton Nascimento

                               



         Olá, pessoal! Hoje venho interpretar a seguinte letra de música: Maria, Maria de Milton Nascimento. Tal música foi sugerida pela minha tia Sandra! Vamos lá!


       ***Interpretando Maria, Maria de Milton Nascimento





   Maria, Maria
É um dom, uma certa magia
Uma força que nos alerta
Uma mulher que merece
Viver e amar
Como outra qualquer
Do planeta



     Esta música representa, sem sombra de dúvidas, uma das melodias nacionais mais belas existentes. Vou comentar cada estrofe consoante a minha interpretação. Quem quiser sugerir novas formas de interpretar a letra da música pode escrever nos comentários. ;) 
     Maria é um nome tipicamente brasileiro. Para mim, a música retrata a força e a magia da mulher brasileira e do povo brasileiro de modo geral. A mulher brasileira merece viver e amar como outra qualquer do planeta.          Além disso, só a mulher brasileira tem uma certa magia, um dom raro de força que nos alerta. Mulher trabalhadora que não tira o sorriso no rosto. Apesar de todas as dificuldades enfrentadas na vida, a mulher brasileira continua alegre e encantadora.



       

Maria, Maria
É o som, é a cor, é o suor
É a dose mais forte e lenta
De uma gente que ri
Quando deve chorar
E não vive, apenas aguenta

              O Brasil tem um som próprio e é a mistura de várias cores, etnias e povos. O nosso suor é a nossa marca. Sendo assim, a Maria é fruto do som, da cor e do suor... A mulher consegue ser mais forte e suave ao mesmo tempo. Portanto, somos a dose mais forte e lenta... O povo brasileiro, mesmo com tantos motivos para chorar, segue rindo e suportando os desafios da vida. Como o povo brasileiro consegue suportar? A gente apenas aguenta...



Artista: Claudy Khan



Mas é preciso ter força
É preciso ter raça
É preciso ter gana sempre
Quem traz no corpo a marca
Maria, Maria
Mistura a dor e a alegria


         O povo brasileiro aguenta as adversidades. Mas, para a superação dos desafios diários, é preciso ter "raça" (sangue quente, bravura e valentia) e é preciso ter "gana" (vontade de vencer) sempre... 
         Quem traz no corpo a marca de ser brasileiro mistura a dor e a alegria. O povo brasileiro é famoso por ser um povo alegre apesar de suas dores...





Mas é preciso ter manha
É preciso ter graça
É preciso ter sonho sempre
Quem traz na pele essa marca
Possui a estranha mania
De ter fé na vida


                   Além de força, é preciso ter "manha" (podemos interpretar como jeitinho brasileiro ou como astúcia) e é preciso ter graça (benevolência, charme e desenvoltura). O sonho tem de estar sempre vivo nos nossos corações... E o povo brasileiro é um povo sonhador... 
                 Nossa fé também é uma característica muito forte e evidente, em especial a fé cristã. O povo brasileiro é um dos povos que mais crê em Deus. Nós possuímos esta "estranha mania" de ter fé na vida. O otimismo brasileiro é uma virtude. 


As estrofes finais repetem a letra:

Mas é preciso ter força
É preciso ter raça
É preciso ter gana sempre
Quem traz no corpo a marca
Maria, Maria
Mistura a dor e a alegria

Mas é preciso ter manha
É preciso ter graça
É preciso ter sonho sempre
Quem traz na pele essa marca
Possui a estranha mania
De ter fé na vida
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!!
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê
Hei! Hei! Hei! Hei!
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê!
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê!
Mas é preciso ter força
É preciso ter raça
É preciso ter gana sempre
Quem traz no corpo a marca
Maria, Maria
Mistura a dor e a alegria
Mas é preciso ter manha
É preciso ter graça
É preciso ter sonho, sempre
Quem traz na pele essa marca
Possui a estranha mania
De ter fé na vida
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!!
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê
Hei! Hei! Hei! Hei!
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!
Ah! Hei! Ah! Hei! Ah! Hei!
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê!
Lá Lá Lá Lerererê Lerererê!

                              


              Por fim, a mensagem geral da música é sobre a honra da mulher brasileira e também do povo brasileiro. Além disso, trata-se de uma bela homenagem às características brasileiras, tais como: magia, força, amor, alegria, fé, desenvoltura, charme, gana e esperança. 
              Agradeço à querida tia Sandra pela sugestão dessa belíssima música! A composição da música foi feita por: Fernando Brant e Milton Nascimento. 

Interpretação de Tatyana Casarino

Para quem quiser conferir a música:



                     https://www.youtube.com/watch?v=IElS9cxpImA


Para quem quiser conferir a letra da música:


4 comentários:

  1. Tati estou emocionada com vc,aquela menina de personalidade marcante ja quando pequena mas ao mesmo tempo sensível,insegura sofrendo ficar longe da sua mãezinha na sala de aula.Parabéns pela bela interpretação!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, professora Gisele! Me sinto honrada com a sua visita! Sou grata por vc fazer parte de minha jornada dr vida. Obrigada pelo carinho e elogio! Grande beijo em seu coração!

      Excluir
  2. Maria, mulher guerreira que enfrenta as maiores dificuldades com sorriso no rosto, que tenta não compartilhar seus medos, suas aflições pois essa magia é apenas para alegrar todos ao redor. Perfeita sua frase: " A mulher consegue ser mais forte e suave ao mesmo tempo. "
    Essa letra cantada por Milton Nascimento...arrasa né? Adoreiiiiiiiiii.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei a sua abordagem! Perfeita! Gratidão pelo comentário, amiga! Essa letra arrasa mesmo! Beijão no coração!

      Excluir