O Cantinho de Tatyana Casarino. Aqui você encontrará Textos diversos e Poesias simples com a medida do coração.









Contador Grátis





segunda-feira, 16 de julho de 2012

Amor sublime


Oh! amor sublime de toques macios,
quero sentir a pele de tua alma
tocando a minha sob as pétalas
das flores da clareira fria.

Quanto amor espera tua vida,
são as doçuras límpidas
da cachoeira de carinhos
que banha o teu corpo.

Sob o luar, as flores suspiram
quando chovem sobre nossas almas.
Debaixo dessa árvore, tu me beijas
pela eternidade desse instante.

Tu és a lua que ilumina o breu,
tu és o mais belo verso meu,
tu és a rima que faltava em minha vida,
tu és a mais bela poesia.

Tu és a força do sol
que brilha pelos morros frios.
Tu és o rouxinol
que canta sobre os rios.

Ah! Quando os teus lábios
se encontram com os meus,
minh'alma sente arrepios.

E, quando os teus braços
se envolvem com os meus,
minh'alma esquece o frio.

Nós personificamos o amor,
e esquecemos que há dor.
Onde só havia melancolia,
hoje só há nossa poesia.

Nossa poesia é escrita com beijos,
carinhos ternos e sussurros.
Teus versos são teus carinhos
que sempre rimam com os meus.

Taty Casarino