O Cantinho de Tatyana Casarino. Aqui você encontrará Textos diversos e Poesias simples com a medida do coração.









Contador Grátis





segunda-feira, 21 de maio de 2012

Quando a alma canta

                                    Quando a alma canta

Como são belos
os lírios da alma
flutuando com os anjos
do cristal da aurora.

O sol urge como o pai
dessa doce humanidade
que lastima pelo ventre
sem raiz dos morros.

As árvores gemem
quando os ventos acariciam
suas almas floridas.

O céu noturno se prepara
para nascer sob o crepúsculo,
e eu deixo minh'alma
sussurrar para a sua
esse poema da noite.

Sentimentos amontoados
prestes a estourar em versos
fazem a alma cantar
esses poemas diversos.
Taty Casarino

Nenhum comentário:

Postar um comentário